Últimos assuntos
» Psicologia Infantil Lisboa
Ter Nov 17, 2015 12:18 am por Espaço Família

» Psicologia Infantil Montijo
Sex Out 09, 2015 8:45 pm por Espaço Família

» Controlo dos esfincteres na infância
Qui Fev 12, 2015 9:45 pm por Kinobimi32

» Amigo Imaginário
Sex Jan 11, 2013 8:51 pm por Espaço Família

» Dificuldade na fala
Sex Jan 11, 2013 8:50 pm por Espaço Família

» Dificuldades de Aprendizagem
Sex Jan 11, 2013 8:49 pm por Espaço Família

» Andar em bicos de pés
Sex Jan 11, 2013 8:47 pm por Espaço Família

» Condutas agressivas
Sex Jan 11, 2013 6:47 pm por Espaço Família

» Hiperactividade
Sex Jan 11, 2013 6:46 pm por Espaço Família


Dificuldade em adormecer

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Dificuldade em adormecer

Mensagem  Espaço Família em Sex Jan 11, 2013 6:38 pm

Tenho um Menino que vai fazer 14 meses, e desde os 9 meses que está no quarto dele, o sono mudou para melhor.... apesar de ter sido sempre embalado para ficar no berço/cama! entrou na creche aos 11 meses e a adaptação foi muito boa,nao perdeu o apetite e fica bem... teve uma crise de diarreia o que me levou a ter que passar umas noites no quarto dele na cama de casal com ele....(ha 1mes e meio atras) desde entao noto que está mais apegado as pessoas, nao o posso deixar sozinho que entra em desespero e o mesmo se passa na creche....o que tambem coincidiu com o nascimento de 2pré molares.... nao quero que ele fique com traumas mas nao sei que fazer.... ele dorme as 1ªs 3/4h sozinho e depois tenho que la ficarse nao é de 30 em 30 minutos a acordar....
será uma fase? a dita fase de angustia da separação? ou será necessario um acompanhamento/diagnóstico psicológico?


A dificuldade em adormecer pode ser um problema temporário nas crianças, muitas vezes associada aos «touch points» – momentos críticos do desenvolvimento. A chamada regressão do sono entre os 14 e os 18 meses é bastante comum, fazendo parte do normal desenvolvimento da criança.

Isto deve-se essencialmente ao aparecimento de 3 factores nesta fase:

- O nascer dos dentes, que causa bastante desconforto;
- A fase da angústia de separação (que é normal que aconteça dentro do desenvolvimento normal da criança e que se prende com o ganho progressivo de autonomia, como começar a comer com acolher, a beber do copo, etc… );
- O início dos medos (ex.: medo do escuro, etc…)

Esta fase dura geralmente algumas semanas (que parecem compreensivelmente uma eternidade para os pais).
É também nesta idade que as crianças começam a testar os limites dos pais. Para a criança é muito mais “reconfortante” ter a mãe a dormir com ele e se ele sabe que, quando chora a mãe vai ter com ele, a tendência será para perpetuar esse choro.

Experimente deixar progressivamente de ir dormir com ele, ou fique primeiro com ele apenas algumas horas e depois volte para o seu quarto (talvez em dias não laborais).

Caso o problema persista para além dos 4 meses, aconselho a consultar um psicólogo vocacionado para a área da 1ª infância.

avatar
Espaço Família
Admin

Mensagens : 20
Data de inscrição : 11/01/2013

Ver perfil do usuário http://www.psicologia-infantil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Dificuldade em adormecer

Mensagem  Espaço Família em Sex Jan 11, 2013 6:43 pm

Tenho gémeos. A rapariga e bem fácil. O rapaz e mimo por todo o lado. Tem agora 1 ano e faz birra para tudo... Tomar banho é uma luta literalmente, vestir, fazer aerossóis... Tudo! Mas o pior e que este doente 2 semanas e para ser mais pratico dormia na nossa cama. Agora nao ha maneira de o fazer ficar na cama dele. Se o deixarmos a chorar acorda a irmã... O que devemos fazer?

A primeira regra é fazer a criança adormecer na própria cama. Os pais poderão contar histórias ou cantar canções para estimular o sono.

Poderá tentar também deixar-lhe uma luz de presença acesa ou caso ela tenha um brinquedo, paninho ou cobertor preferido, deixar que durma com eles, pois lhe trará segurança.

Limites firmes são fundamentais. A criança pode chorar ou fazer birras, mas os pais devem permanecer firmes (isto é válido também para as birras não relacionadas com o sono).

Levantar ao primeiro choro da criança também não é indicado. O melhor é esperar para ver se a criança não dorme novamente sem a ajuda dos pais.

Se a criança chorar sem parar, vá até ao quarto e permaneça um pouquinho para ela se acalmar e perceber que os pais estão por perto. Mas cuidado para que o choro não vire uma forma da criança conseguir o que deseja.

As crianças tendem a testar os limites dos pais. Para a criança é muito mais “reconfortante” ter a mãe a dormir com ele e se ele sabe que, quando chora a mãe vai ter com ele, a tendência será para perpetuar esse choro.

Caso o problema persista para além dos 4 meses, aconselho a consultar um psicólogo vocacionado para a área da 1ª infância.

avatar
Espaço Família
Admin

Mensagens : 20
Data de inscrição : 11/01/2013

Ver perfil do usuário http://www.psicologia-infantil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum